segunda-feira, 6 de junho de 2005

CUBA pode ser aqui!

Amigos blogueiros indignados comentaram o texto CORRUPÇÃO E MEDO.
Afirmaram estar desanimados com a classe política, que ninguém presta e que não adianta votar.
Não é possível que num país do tamanho do Brasil não consigamos encontrar gente honesta para nos representar nos vários cargos do legislativo e executivo.
Há muitos políticos honestos, o problema é que os gatunos, quando aparecem, causam um tremendo estrago à reputação de todos os políticos.
A DEMOCRACIA é um aprendizado constante, só se aprende a VOTAR, VOTANDO, e nossa DEMOCRACIA é muito jovem, VAMOS APERFEIÇOÁ-LA vamos ajudar a formar opinião e mudar o panorama em 2006.
Se desistirmos de votar, apenas estaremos ajudando o PT a transformar o BRASIL em mais uma CUBA, onde ninguém VOTA.
FIDEL CASTRO diz que os cubanos não precisam votar porque ele - FIDEL - sabe o que os cubanos querem!
LULA também se acha um pai da nação, também acredita que sabe o que é melhor para nós.
NÃO, LULA não é o pai da nação. Em 2006 devemos mandar a "tchurma" de rapinantes cascateiros da estrelinha vermelha para a lata de lixo da História.

5 comentários:

Ricardo Rayol disse...

Pra entrar na politica já tem que ter o rabo preso. Dificil acreditar o contrário

Elaine disse...

Penso que é preciso ter estomago para lhe dar com todo essa imundice que é a política,mantendo a frieza e a atenção para não se deixar envolver pelos politiqueiros.

Elaine disse...

Dando continuidade ao meu comentário interrompido por uma falha entre o computador e a cadeira.

Muitos Políticos realmente quando entram tem boa vontade e um desejo de poder colaborar e fazer valer os votos de confiança que recebeu, no entanto, quando se está no meio da política fica mais difícil.Tudo é negociável.Tudo...tudo...E nesse ponto o Ricardo tem - um pouco de razão - se você não chega a política como rabo preso vai acabar ficando depois.

Eu estou extremamente desanimada e pensando seriamente e entrar para a turma que vai anular o voto na próxima eleição.

sheila moura disse...

Sabe que as coisas chegaram a um ponto que não sei mais o que pensar?
Hoje em dia falam desavergonhadamente que fazem politica.... mas no tempo que estudei, politica era outra coisa.
Enquanto isto, o Congresso para para discutir esta pouca vergonha e nós, pagando os salários dos descarados! Desculpe, mas ando cheia de tudo!!!!!

Anônimo disse...

Primeiro, grato pela citação.
Bem no inicio dos anos 90 em uma palestra em uma Multinacional, um comentarista político (Nassif) já falava que deveríamos eleger logo o Lula para cair a máscara. Para descobrirmos que seríamos levados a crer por uma figura sem cultura, deslumbrado, que o paraíso era aqui e ele tinha a chave para abri-lo. A eleição iria nos mostrar que estávamos errados e que o amadurecimento da Democracia teria que passar por esses contratempos. Faz parte, parodiando alguém.
O sofrido povo brasileiro estava em 2002 querendo um salvador da pátria. Hoje está descobrindo que a individualidade está imperando, que é cada um por si, na busca da sobrevivência, que a impunidade permite sonhar que também consiga uma "boquinha" (daí a votar nos amigos, amigos dos amigos, indicados pelos amigos).
Foi bom existir o Roberto Jefferson. O mal só será desmascarqaado pelo próprio mal.
Comento em linha com o seu comentário, de que faz parte do processo, que ainda precisamos amadurecer mais e só continuaremos a buscar o melhor quando encontramos erros.
Se tudo estiver bem, prá que mudar?
Amplexos, LCMarques