domingo, 14 de janeiro de 2007

O coronel Hugo Chavez e a Medalha Tiradentes!

Acerca de nosso último post sobre o coronel Hugo Chavez, o leitor e amigo KLATOS, na área de comentários, colocou uma questão interessante.
Pergunta por que diabos a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ) resolveu conceder a Medalha Tiradentes a Hugo Chavez!
De fato, a Medalha Tiradentes é a mais alta condecoração que a ALERJ pode conceder a brasileiros ou estrangeiros que tenham prestado serviços relevantes ao povo do Rio de Janeiro e, sinceramente, não sei qual serviço Hugo Chavez prestou aos cariocas e fluminenses!
Devo dizer, a bem da verdade, que eu mesmo recebi dois títulos da ALERJ: o de CIDADÃO BENEMÉRITO (em 1990), e a própria MEDALHA TIRADENTES (em 1999).
A ALERJ tem 70 (setenta) deputados, que representam, teoricamente, TODAS as tendências políticas do eleitorado do Estado!
Cada deputado tem uma "cota" anual de honrarias a propor e há um acordo de cavalheiros entre eles, de que nenhuma proposta de homenagem deve ser recusada, porque cada concessão de título ou medalha é votada em plenário!
A coisa funciona mais ou menos assim: eu não voto contra a homenagem que você propôs e você não vota contra a homenagem que eu propus!
E assim, medalhas e honrarias, merecidas ou não, vão sendo concedidas a torto e a direito!
Em alguns casos, como nos parece a medalha concedida ao coronel Hugo Chavez, a ALERJ garante espaço gratuito na mídia!
São coisas da DEMOCRACIA, e quem paga pelo relevante trabalho dos deputados estaduais somos todos nós, com nosso suado dinheirinho extorquido em taxas, tributos e impostos!

3 comentários:

Klatos disse...

Rayol,obrigado pela explicação. Como você disse em outro post, Enquanto não temos algo melhor, ficamos com essa tal "democracia".

Felicidades.

Newton disse...

O meu Amigo...

Como assim "...não sei qual serviço Hugo Chavez prestou aos cariocas e fluminenses!"

Não foi ele o financiador do desfile da escola de samba campeã do carnaval 2006 ???

Em um país como este que trabalho é coisa secundária, onde na Bahia o "povão" já não trabalha mais em razão da folia carnavalesca, é um ato "realmente digno de toda a homenagem."

Um abraço...

Victor disse...

Prezado amigo, creio que você tenha enorme orgulho de sua medalha, mas em seu lugar eu a devolveria a ALERJ.

Eu jamais ficaria com uma comenda que também está no peito de um ditador como Hugo Chavez. Devolveria, porque assim como a comenda engrandece seu dono, alguns donos aviltam a comenda.

Abraços.