sexta-feira, 15 de dezembro de 2006

Boicote ao filme TURISTAS!

A INTERNET é realmente uma ferramenta extraordinária e estamos seguros que os piedosos e pacientes leitores deste VOX LIBRE têm plena noção disso, mas o fato é que como qualquer ferramenta, ela é amoral, pode ser usada para o bem ou para o mal dependendo do elemento humano que dela faz uso!
Há muita coisa útil na INTERNET como também há coisas nocivas, lixo ou meras bobagens...
Mas até as bobagens que circulam na INTERNET podem ter serventia para nos fazer pensar.
E pensar, ao contrário do que muitos imaginam, às vezes é muito difícil.
Uma das atuais bobagens que circulam na grande rede é um movimento que pretende um boicote ao filme TURISTAS.
Trata-se de uma produção norte-americana que estréia lá em dezembro e aqui em janeiro ou fevereiro, distribuída pela Paris Filmes.
Para quem não sabe, o filme conta a história de 6 jovens americanos que vêm ao Brasil de férias.
Chegando aqui tomam uma caipirinha com "boa noite cinderela", são assaltados, seqüestrados, torturados e por fim têm os órgãos roubados por traficantes da indústria negra dos transplantes.
Alguns morrem e mesmo os que sobrevivem não têm um final feliz.
O filme é classificado como TERROR, do tipo B, com atores de segunda categoria, comparado ao filme "O Albergue", e a EMBRATUR já está tão preocupada com a péssima repercussão do filme lá fora que, temendo uma queda brusca na receita do país vinda do turismo internacional, já está preparando campanhas intensas para serem veiculadas lá fora tentando minimizar os estragos.
Como se vê, o tal boicote é uma tremenda tolice!
Quantos filmes de ação produzidos por norte-americanos mostram cenas de extrema violência, tiroteios e perseguições nas ruas de cidades como Nova Iorque, Los Angeles, Detroit ou outras mais?
A suposta violência e criminalidade mostrada no filme como passada no Brasil é um exagero?
Pois o VOX LIBRE tem algumas sugestões de roteiros para filmes de terror do tipo trash:
Exemplo 1:
Um casal de namorados adolescentes vai acampar e é seqüestrado, torturado, estuprado e assassinado por um bando de descerebrados comandados por um menor de idade!
Vocês acham um exagero?
Pois aconteceu em São Paulo e tenho certeza de que todos vocês se lembram!
Exemplo 2:
Uma jovem bonita, loura e rica combina com o namorado e o cunhado assassinar os pais a pauladas enquanto dormem, para ficar com a herança!
Outro exagero?
Vocês também se lembram, aconteceu em São Paulo!
Exemplo 3:
Uma empresária, por causa de uma discussão fútil, é morta a pauladas por um vigia de uma clínica veterinária, tem seu corpo esquartejado e os pedaços colocados em sacos de lixo que são espalhados pela cidade.
Algumas partes do corpo nunca foram encontradas!
O fato aconteceu no Rio de Janeiro!
Exemplo 4:
Depois de ser assaltada, uma família inteira, incluindo uma criança de 5 anos é queimada viva dentro de um carro!
Aconteceu em São Paulo!
Vamos parar com os exemplos da vida real que superam, e muito, a fantasia do filme TURISTAS!!!
Quem está propondo essa tolice de boicote ao filme TURISTAS deveria perceber que a nossa realidade é muito pior do que o roteiro da tal produção!
Com filme ou sem filme, vir ao Brasil como turista é uma aventura de alto risco, e muitos turistas que aqui vieram não voltaram vivos para casa e a culpa não é, definitivamente, de Hollywood!!!
O trailer do filme TURISTAS começa com a "chamada":
"Num país onde vale tudo...
Tudo pode acontecer...!"
Alguém aí ainda duvida que a tal frase se aplica ao BRASIL?

6 comentários:

augusto disse...

Acho que com o filme vai aumentar a vinda de turistas.Turistas que vêm ao Brasil, todos eles, sejam aqueles que aportam por aqui para papar prostitutas ou os que chegam aqui com a família gostam de viver perigosamente. E quando chegam em seus lares se gabam "EU FUI AO BRASIL E SAÍ DE LÁ VIVO". Por isso, devido a essa parcela de seres humanos que adoram a adrenalina correndo à toda nas veias, acho que irá até aumentar a frequência.Vir aqui é uma aventura exótica e emocionante nos moldes dos safáris africanos no início do século 20.

Alice disse...

Boicote tem que ter contra a violência , a falta de segurança ...lembrando violência , chegou o din que o governo prometeu para SP na época dos ataques ?
Bom dia :)

Anônimo disse...

Porque a predominância de crimes em Sâo Paulo?

Anônimo disse...

Concordo Rayol.
Também não vou perdi meu tempo com essa tolice de boicotar um filme. Eu quero ver o dia em que o brasileiro irá perder seu tempo para discutir assuntos sérios como a violência, saúde pública e uma política que venha trazer real oportunidades ao povo brasileiro.
Sds

Anônimo disse...

Morando no exterior há muitos anos, jamais aconselho a ninguém a visitar o Brasil, pois sei bem o perigo real que o nosso país representa para qualquer turista.

Mauricio disse...

Querido "amigo"
Sabemos muito bem que a situação da violência no país é horrivel, mas a exibição de filmes assim ajudaria em algo?
TOLICE mesmo é ficar de braços cruzados tanto com relação à violência como em relação à esse filme que denigre ainda mais uma situação que precisava ser RESOLVIDA e não alimentada ainda mais.
Ao invés de listar e alimentar os problemas sugira soluções.