terça-feira, 21 de agosto de 2007

SAÚDE PÚBLICA de sobra!!!

Normalmente, o que acontece no meio acadêmico só é objeto de divulgação no circuito fechado e restrito das publicações científicas, exceto quando se trata de alguma tese ou descoberta capaz de causar celeuma, aí a notícia invade os domínios da imprensa comum e da discussão geral.
Foi exatamente o que aconteceu com o pesquisador italiano UMBERTO VERONESI, cujo nome apareceu no noticiário graças a uma tese, no mínimo, polêmica!
Segundo VERONESI, a humanidade no futuro será bissexual.
Para ele o sexo perderá sua função de reprodução e passará a ser uma mera forma de relacionamento social.
O cientista italiano não explicou como os seres humanos se reproduzirão a partir de então nem se a humanidade se extinguirá numa grande suruba cósmica!
VERONESI pode até não saber, mas no Brasil o futuro previsto por ele está mais próximo.
O Ministério da Saúde acaba de anunciar que o SUS (Sistema Único de Saúde) passará a realizar operações de mudança de sexo!
A justificativa é de que há pessoas infelizes com o sexo que a natureza lhes deu, daí que o serviço público de saúde, mantido com os impostos que todos pagamos com alegria, passe a corrigir o problema mudando o sexo dos interessados de acordo com seu gosto pessoal.
O Ministério da Saúde também não esclareceu se a mesma pessoa poderá realizar mais de uma cirurgia de mudança de sexo, afinal de contas, podem ocorrer casos de arrependimento e o transgenitalizado, ou a transgenitalizada, pode verificar que não ficou feliz como esperava e resolver retornar ao sexo anterior.
De qualquer maneira, o VOX LIBRE acha que a decisão do Ministério da Saúde poderia ser ampliada e passar a incluir no SUS também as cirurgias de implantes de próteses de silicone.
Afinal de contas, por uma questão de isonomia, deveria ser motivo de preocupação das autoridades o fato de que muitas mulheres não são felizes porque não tem os peitos ou a bunda grande o suficiente para corresponder às necessidades da vida moderna, principalmente para quem pretende se tornar uma celebridade.
Há também hoje, homens com preguiça de passar horas em academias fazendo musculação e por isso recorrem a próteses de silicone nos peitorais e bíceps, sem os quais também não se sentem seres humanos plenos.
É tudo uma questão de felicidade que o SUS poderia resolver!
Afinal de contas, em 19 de abril de 2006, o presidente da república disse que o sistema público de saúde brasileiro estava próximo de atingir a perfeição.
O pessoal da área médica é bem remunerado e trabalha motivado, os equipamentos são de última geração e funcionam perfeitamente, as instalações são as melhores possíveis e todo cidadão que precisa de cuidados médicos é plenamente atendido e volta para casa curado e satisfeito.
Dá gosto viver num país tão bem administrado e onde os impostos são aplicados com tanta eficiência.
É como o VOX LIBRE sempre diz, o Brasil não é do terceiro nem do primeiro mundo.
O Brasil é um país do outro mundo!!!

4 comentários:

augusto disse...

Realmente é incrível!Pessoas com doenças serão preteridas nos centros cirúrgicos por causa dessas aberrações da natureza. Gostaria de saber como a lésbica vai solucionar seu problema de virar homem, talvez algum arauto petista tenha a solução! Veronesi deve ter razão com seu estudo - devido aos altos índices de queimação de rosca e velcro aferidos na atual sociedade-, mas no que toca a minha parte minha parte feminina é sapatão.

Arnaldo disse...

Difícil de entender realmente o que os gestores públicos têm na mente quando oferecem tais tipos de cirurgias. Tantos sofrendo de males nos hospitais brasilerios, e que muitas vezes nescessitam de cirurgias mais simples e não são atendidos.
Quanto a remuneração dos profissionais, no Estado do RJ um Auxiliar de Enfermagem recebe em torno de R$500,00 e um Médico R$1.500,00.
Outra coisa é que os Hospitais são os mesmos de anos atrás. Perguntando aos mais idosos, quais os hospitas eles utilizavam, eles respondem Getúlio vargas, Carlos Chagas, Souza Aguiar, Salgado Filho, e alguns outros. A população cresceu assustadoramente e os hospitais continuaram os mesmos, poucos foram construidos e outros perderam a sua excelência, como o dos Servidores do Estado.
Pena que ainda teremos que sofrer muito com maus administradores da saúde pública, da saúde do Brasil.

Arnaldo Neto

Anônimo disse...

Compras de óculos, aparelho de surdez e muletas não podem ser descontadas no Imposto de Renda, cirurgias plásticas e branqueamento de dentes, sim.

Alice disse...

De outro mundo mesmo , é brincadeira heim ...enquanto isso no país da cpi ,alguns transplantados são obrigados a fazerem uso de " liminares " ,para receberem os remédios do SUS ...