segunda-feira, 8 de janeiro de 2007

No BRASIL existe "censura" à INTERNET!

No "flagrante" acima dois cães fornicam em público em uma praia, "observados" por um "voyeur"!
O Brasil volta a figurar no noticiário internacional de forma pouco lisonjeira e desta feita não é por conta dos roubos e assassinatos rotineiramente cometidos contra turistas estrangeiros visitando nosso lindo e perigoso país.
Trata-se de um caso de atentado contra a liberdade de expressão que nos coloca na companhia de países como Coréia do Norte, Irã, China, Cuba e outros - menos merecedores de nota -, que “patrulham” idéias e restringem e controlam o acesso de seus cidadãos à INTERNET!
Uma decisão de um juiz paulista determinou o bloqueio do YOUTUBE a internautas brasileiros.
Como o juiz brasileiro não tinha autoridade para tirar do ar o
www.youtube.com (sediado nos EUA), resolveu então, engenhosamente, ordenar que provedores brasileiros bloqueassem o acesso ao mais conhecido e procurado site de hospedagem de vídeos do mundo.
Tudo por conta de uma ação judicial movida pela modelo e apresentadora de TV, Daniela Cicarelli e seu namorado TATO MALZONI, incomodados com um vídeo hospedado no YOUTUBE, que tentam "tirar do ar".
O tal vídeo mostra Cicarelli e seu namorado protagonizando cenas de libidinagem em uma praia espanhola.
Há quem afirme que o tal vídeo contém cenas de sexo, o que não é correto, o vídeo não mostra um ato sexual, apenas o sugere, mas a libidinagem incontrolada é explícita!
Os autores da ação alegam danos ao direito de privacidade, mas o interessante é que fizeram em público aquilo que seres humanos devem fazer apenas em local a salvo de olhares de curiosos.
Em alguns lugares do mundo, inclusive no Brasil, fazer em público o que Cicarelli e seu namorado supostamente fizeram, constitui crime de atentado ao pudor e não sabemos o que a lei espanhola diz a respeito!
No caso em tela, os autores de suposto crime se transformaram em vítimas!
O fato é que foram flagrados e filmados por um atento e esperto paparazzo, que ganhou dinheiro com o vídeo que acabou ganhando o mundo por conta da WEB.
Daniela Cicarelli tem demonstrado invejável talento para se meter em situações polêmicas tornando-se uma celebridade dos escândalos.
Se ganha ou não dinheiro com isso é outra história!
O problema é que existe um paradoxo em alegar violação de privacidade por fazer em público aquilo que normalmente só é tolerado no comportamento de cães no cio, que fornicam em plena rua sem se importar com os passantes, proporcionando gratuitamente educação sexual para crianças!
Que tais pessoas movam ações judiciais em defesa de sua privacidade (que foram os primeiros a expor em público), não é nada surpreendente.
Como se diz em Direito, o papel aceita qualquer coisa!
O assustador é que existam magistrados que acolham tais pleitos.
Além do mais a decisão judicial, além de absurdamente antipática e liberticida, é tecnicamente inútil.
Em primeiro lugar porque o malfadado vídeo não está somente no YOUTUBE, mas em diversos outros sites da WEB, e em segundo lugar porque o bloqueio de provedores pode ser facilmente contornado por qualquer internauta experiente de 12 anos de idade.
Preocupada com a reação irada dos internautas, Cicarelli (que apresenta um programa de TV para o mesmo público que consome os vídeos do YOUTUBE), resolveu aderir à moda dos dirigentes políticos brasileiros dizendo que "NÃO SABIA DE NADA", que a ação judicial teria sido movida apenas por seu namorado.
Mentira!!!
O site jurídico CONJUR (
www.conjur.com.br) publicou a íntegra da ação judicial onde Daniela Cicarelli aparece como autora do pedido ao lado de seu namorado, e se você quiser saber mais basta clicar aqui.
É óbvio que muitos casais de namorados devem fazer, em praias de todo o mundo, aquilo que motivou toda essa confusão e que foi feito, segundo parece, por Cicarelli e seu namorado em uma praia de Cádiz na Espanha.
É natural também que tais eventos atraiam a curiosidade de terceiros no que parece ser uma característica própria de nós, primatas: OBSERVAR o próximo!
Não fosse assim, programas de TV que abordam "zoológicos humanos", como o BIG BROTHER, não fariam tanto sucesso.
A curiosidade é exacerbada quando o objeto da observação é uma “celebridade”!
Como todo mundo sabe, no mundo de hoje, as pessoas são capazes de fazer quase qualquer coisa para se tornarem famosas.
Quando conseguem, passam a circular em público de chapéu e óculos escuros para não serem reconhecidas, e reclamam sempre que são descobertas e assediadas!
O direito à privacidade deve ser respeitado em primeiro lugar pelo seu próprio titular!
Se ele é o primeiro a se expor em público violando as regras mínimas de convivência em sociedade perde automaticamente o direito de reclamar pela curiosidade alheia.
A prevalecer entendimento contrário, em breve teremos assaltantes de banco movendo ações judiciais contra os bancos em virtude das câmeras de segurança!

4 comentários:

Newton disse...

Meu Amigo:

Assalto, roubo, e por quê não incluir também assassinatos, continuam sendo crimes no Brasil ??

Se é, por que os ladrões mensaleiros estão soltos ? Por que "ELE" simplesmente diz, "nada sabia", e continua solto?O Tribunal rejeita "SUAS" contas de campanha, mas "ELE" é dimplomado do mesmo jeito.

Onde estão os assassinos dos prefeitos de Campinas e Santo André, sem contar que mataram também as testemunhas ??

E afinal, quem são os culpados pelo dossie tabajara ??

De onde saiu o dinheiro para a compra ???

E assalto é crime ??

Sinceramente, se um dia eu resolver apelar, entrar em um banco (mesmo armado) dizer "É um Assalto", ninguém poderá prender-me, afinal já existe precedentes de ladrãoes e assassinos que não foram presos.

Sabe, há alguns anos atrás vi empresários sendo presos por prática de CAIXA 2, afinal sempre foi crime de ordem tributária, hoje sua prática é comum, tão comum que o presidente "DELES" (porque meu ele não é), pratica regularmente, e nem por isso foi condenado.

Como ficam, então aqueles que foram condenados por tal prática, não cabe-lhes uma indenização do governo ?

Um forte abraço...

Anônimo disse...

Piada velha: o juiz pensa que é Deus, o promotor tem certeza.

Anônimo disse...

Acho ridicula a atitude da Daniela Ciccareli, bom ela é uma pessoa pública e os paparazzis quando avistam a modelo e apresentadora em tal lugar não pensam duas vezes em tirar um fotinha, enfim, se ela quer paz e sussego poderia pelo menos ir para um motel.
Ela é uma pessoa fútil e parace que não pensa né? Fez cenas de sexo em uma praia pública, com famílias por perto. Nota 0 para esse tipo de gente.

Louis Ciffer disse...

Alguns organismos da Espanha estão sempre intrometendo em outros paises (tentaram processar o Pinnochet, tentaram processar alguma coisa no Brasil - nao me lembro bem o que), bem que eles poderiam processar a Cicarelli por atentado violento ao pudor (se é que as leis espanholas tem isso).