quarta-feira, 15 de novembro de 2006

A "nossa" REPÚBLICA!

A Revolução Francesa!
O dia 15 de novembro será sempre um dia especial para mim, não por causa do feriado da proclamação da República, mas porque era o dia do aniversário de meu pai.
Se fosse vivo ainda hoje, meu pai estaria completando 87 anos!
Infelizmente, meu pai faleceu aos 72 anos, em 1992, num dia 14 de julho, por outra coincidência, na data nacional francesa, quando eles comemoram a queda da Bastilha, prisão onde eram encarcerados os dissidentes da monarquia.
Aqui no Brasil, em 15 de novembro, comemora-se a proclamação da República ocorrida em 1889!
A versão oficial é de que foi uma vitória popular!
Mentira!
O povo então, sequer sabia o que era República, e sua proclamação nada mais foi do que um "golpe militar" patrocinado por escravocratas rancorosos pela abolição da escravatura, ocorrida um antes, em 13 de maio de 1888.
Um pequeno grupo de esclarecidos "republicanos", soube aproveitar-se da ira vingativa dos endinheirados escravocratas para patrocinar e cooptar os militares, convencendo-os de que na República, os militares teriam poderes políticos que nunca antes na monarquia tiveram!
É por isso que se criou entre os militares a idéia de que são eles os "tutores" da República!
Foi por isso também que a história de nossa República se transformou em uma sucessão de ditaduras e autoritarismos com "soluços" de democracia e vivemos hoje o maior período de democracia de nossa história, que já dura 26 anos, se considerarmos o primeiro presidente civil depois do regime militar iniciado em 1964.
TANCREDO NEVES foi eleito por um colégio eleitoral em 1985 (não pelo voto popular), e não tomou posse por falecer antes, assumiu seu vice, JOSÉ SARNEY, um presidente "acidental".
Na primeira eleição livre para presidente em 1990, foi eleito FERNANDO COLLOR, que não terminou seu mandato, sendo tirado do poder por um processo de "impeachment"!
Assumiu seu vice, ITAMAR FRANCO, nosso segundo presidente "acidental"!Depois disso, tivemos FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, em 1994, reeleito em 1998, e LUIZ IGNÁCIO LULA DA SILVA, eleito em 2002 e reeleito agora em 2006!
Se o BRASIL é hoje o país do "jeitinho", há uma razão histórica para isso!
Nossa independência em relação à Portugal, foi um negócio resolvido em família, já que Dom Pedro I era apenas e tão somente o herdeiro da coroa portuguesa!
Nos EUA a independência foi obtida em uma guerra contra a Inglaterra que custou cerca de 75.000 vidas!
No Brasil a abolição da escravatura foi um "golpe de caneta" da monarquia, que custou o advento da República, enquanto nos EUA, por exemplo, o fim da escravidão provocou uma guerra civil que custou a perda de 600.000 vidas.
A comparação com a história dos EUA serve apenas para demonstrar como as coisas aqui se deram sempre sem derramamento de sangue, através de acordos sem muitas perdas.
Meu finado e saudoso pai costumava dizer que como tudo no Brasil sempre foi resolvido na base do "jeitinho", nós herdamos uma irresistível vocação para tentar solucionar tudo na base do mais fácil possível, o que nem sempre é factível!
Um filósofo já disse que todo problema complexo tem uma solução simples, e errada!
O Brasil nunca foi assolado por uma tragédia como a que se abateu sobre os países europeus durante a Segunda Guerra Mundial, que são hoje gigantes econômicos!
Talvez por isso, nos damos o luxo de "brincar" com as circunstâncias, jogando fora oportunidades de avançar em busca do patamar internacional que merecemos e perdemos tempo festejando dirigentes corruptos e medíocres.
Ultimamente, membros de nosso governo têm se dedicado a desmoralizar a expressão "republicano".
Cabe a cada um de nós tentar resgatar o real e nobre significado da REPÚBLICA no Brasil!
Sempre é tempo para corrigir erros passados, e não devemos esmorecer NUNCA!!!

4 comentários:

Paola disse...

Dr. Rayol,
Parabéns pelo excelente texto. Uma bela aula de história.
Beijos

Anônimo disse...

Pauola tem razão é uma tremenda aula de história. Eu gosto muito quando o amigo mistura datas e acontecimentos históricos em seus textos. Poucos sabem fazê-lo com tanta maestria.
Sds e bom final de semana!
Elaine

Ricardo Rayol disse...

É só notar como todos os partidos estão se movimentando em rapapés para pegar uma boquinha.

Alice disse...

Uma aula ...
Estou tentando não esmorecer :(