terça-feira, 8 de agosto de 2006

VIVENDO E NÃO APRENDENDO!

O Estado de São Paulo enfrenta uma nova onda de atentados terroristas promovidos por organizações criminosas comandadas de dentro dos presídios.
Na foto que ilustra este post (da Folha de São Paulo), o interior da Câmara Municipal de Sumaré, destruída por um coquetel molotov.
É a terceira onda de atentados e até o momento em que este post é escrito já são cerca de 140 ataques em 23 municípios paulistas.
A primeira série de ataques ocorreu em maio, no final de semana do dia das mães e logo se ficou sabendo que grande parte dos atentados foram cometidos por presos que tiveram autorização para sair dos presídios para visitar suas mães.
Foram “só” 11.000 (onze mil) os condenados liberados para passar o fim de semana em casa, e mais de oitocentos resolveram não voltar para a cadeia e estão nas ruas até hoje.
Como aqui no Brasil ninguém parece aprender nada nunca, agora no dia dos pais, novamente, mais de 11.000 (onze mil) condenados vão ser liberados para passar o fim de semana em casa.
Os bandidos que não tiverem pais poderão perturbar o juízo dos pais dos outros.
O Ministério Público se posicionou contra a concessão do fim de semana em casa para os presos, temendo que mais uma vez (como ocorreu no dia das mães), eles cumpram ordens da cúpula do crime organizado e novos atentados aconteçam.
Mas a decisão de liberar os 11.000 presos foi mantida!
A polícia paulista promete “monitorar os presos perigosos que serão liberados”!
Tem alguém maluco nessa história!!!
Quem será???

8 comentários:

Elaine disse...

É amigo blogueiro, em tempo de eleição vale tudo. Afinal a família do preso vota. Lamentável essa decisão do governo de São Paulo. Essa liberdade vai sair muito cara para os paulistanos.
Sds...Elaine Paiva

Elaine disse...

digo, essa liberação.
sds...EP.

Gusta disse...

Parabéns, Antonio!
Seu blog foi citado na Folha de SP.
É isso aí! Lutando sempre e com garra!!
O link:
http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u20435.shtml

Abraços

Alice disse...

Eu não entendo ,será que esqueceram do "Dia das Mães ?" ,essa semana 2ª feira , as faculs, colegios ,liberaram os alunos as 20:30 , quem dependia de bus , teve que pedir para a familia buscar , pq os bus passavam Especial ou tinham a opção de voltarem a pé ,de Santos , para SV,Praia Grande , Cubatão,eles estavam preocupados em defender o patrimonio deles , os onibus , o povo , os estudantes, trabalhadores , era o de menos ...e o mesmo está acontecendo agora , vamos esperar o " dia dos Pais ", trancados em casa , com medo .

Augusto disse...

Todos que têm dois dedos de testa sabem que basta ele ser reeleito que essa zona para de vez. Deixo aqui uma frase atribuída ao ator H.Bogart: "Nada é tão ruim que não possa ser piorado"

Alice disse...

Vc viu que legal ? na folha ,Parabéns .
Lógico que vc é famoso ,o Voxlibre,já Alice não , rs foi o melhor presente que recebi, sabe pq ? sinal que a sementinha foi plantada,tá germinando e eu to acabando com a tinta da impressora,rs ,para levar amanhã no meu curso, mostrar para meus teachers , meus colegas ,mostrar que vale a pena ,que podemos ajudar a mudar ,o que não é legal :)
Bem só falta mais um presente , vc ir lá no Alice dar parabéns por 1 ano de blog , afinal vc só foi no 1º post .
Bom dia .

Ricardo Rayol disse...

Esse indulto é a coisa mais bizarra que a justissia produziu. Depois não reclamem. E parabéns pela citação na Folha.

Preocupado disse...

A violência está POUCA em nosso país. Este fato se explica por causa da sua imensa extensão, riqueza e vazio territorial, muito embora a sua miséria seja comparável às piores que existem no mundo. Por esta razão demora séculos pra ocorrer uma simples convulsão social, enquanto nos outros países ocorrem em meses. Povo que tem a sua maior riqueza que são suas crianças abandonadas e sofrendo todos os tipos de torpezas física, moral e psíquita, desde a sua concepção, como: estupro, prostituição, abortos de forma violenta e não tanto clandestina (em cada 4 meninas menores de 17 anos, uma está grávida e abandonadas nas sargetas em todos os recantos do nosso país) e diversas outras mazelas, é um povo INFELIZ. Estas REALIDADES cultivadas no passado e ainda mais no presente, vão sempre levar cada vez mais ao AUMENTO da violência, porque estas terríveis CAUSAS e ÚNICAS são os "MOTIVOS" e não sensibilizam as nossas carcomidas elites que governam o nosso povo há 506 anos. Quando surgem estes VANDALISMOS generalizados, todos previsíveis, a Mídia, cooptada pelo poder político-econômico-financeiro nacional e internacional, se utiliza da poderosa e avançada tecnologia de comunicação e informação para se transformar em Meios de Enganação de Massa e, como subproduto dela, a nossa velha e conhecida "Imprensa declaratória", que por ser perniciosa e deletéria não tem escrúpulos com as nossas realidades sociais e com o destino do nosso povo. Só enxergam as vantagens econômicas e financeiras, fruto do perverso e doentio modelo econômico-financeiro excludente adotado pelos Governos. Sempre criaram e continuam criando "Comandos factóides" sem nenhum pejo. Tratar de questões sociais com polícia os resultados são simplesmente catastróficos e irreversíveis. Polícia é pra tratar de questões policiais. E quando participa de questões sociais o faz como coadjuvante. Ela é apenas um órgão de um Sistema maior chamado de Sistema de Segurança Pública, que tem como meta a manutenção e preservação da Ordem Pública vigente.O nosso grande dramaturgo Nelson Rodrigues sempre diz: "Se todos estes fatos provam, pior para os fatos". É só!