sexta-feira, 7 de abril de 2006

GOEBBELS vive?

JOSEF GOBBEELS foi Ministro da Informação e Propaganda do III Reich, o grande “marqueteiro” de ADOLF HITLER.
Muitos atribuem a ele a máxima de que uma mentira suficientemente repetida acaba por adquirir ares de verdade (sem que deixe de ser mentira, é claro).
É chocante verificar como certas coisas permanecem mais atuais do que nunca.
Trata-se do episódio do “simples caseiro” FRANCENILDO e a criminosa violação de seu sigilo bancário.
Hoje todo mundo, inclusive a imprensa em geral, se refere ao caso mencionando o “vazamento para a imprensa” do extrato bancário de FRANCENILDO, só que não foi isso que aconteceu.
NÃO HOUVE VAZAMENTO PARA A IMPRENSA!
Houve uma direcionada e ilícita inconfidência exclusivamente para a revista ÉPOCA, através de quem o extrato bancário do NILDO se tornou do conhecimento público.
Se tivesse se confirmado a suspeita petista de que NILDO fora subornado para depor contra o ministro PALOCCI, até hoje se estariam tecendo loas ao “furo de reportagem” da Revista ÉPOCA - o crime de quebra de sigilo bancário permaneceria - mas teria sua importância diluída diante de um fato mais grave que seria a “compra” de uma testemunha para depor contra um ministro de Estado.
Como se descobriu logo que não houve suborno nenhum para o “simples caseiro”, mas um explícito caso de banditismo estatal, a “batata ficou quente” nas mãos da revista ÉPOCA!
O grande grupo de comunicações a que pertence a tal revista tratou logo de impor a todos a história do “vazamento para a imprensa” o que é uma deslavada mentira!
O interessante é que toda a mídia resolveu compartilhar responsabilidades embarcando na tal cascata que acabou assumindo ares de verdade!
Em tempos de tantas mentiras, está cada vez mais difícil distinguir o que é verdade!

5 comentários:

Anônimo disse...

Finalmente Rayol, voçe voltou para comentar a política bandida do PT.Este governo é um escárnio e se não dá para se confiar num ministro da Economia e um da Justiça como esses, vai se confiar em quem?Quantos não tiveram seus sigilos despedaçados pela máfia petralha?Voce já ouviu falar do Mexerica do Banco do Brasil!Dá vontade de ir embora do Bananão!

Novinha de Taubaté.

Anônimo disse...

Os íntegros são culpados!

Sim, nós íntegros somos culpados. Não combatemos a mentira e o cinismo dos canalhas com a intensidade e efetividade requeridas. Estamos sempre levantando a cabeça e dizendo com firmeza, "Nós somos íntegros, não nos corrompemos, não conjugamos os mesmos verbos desses canalhas!".

De íntegros e bem intencionados o inferno está lotado. Os ‘Goebbels' contratados pelo Lula sabem disso. As pesquisas já estão mostrando isso.

Kafé Roceiro disse...

É ,meu caro Rayol,
a impunidade é tanta que o próprio Pallocci foi quem encomendou essa quebra, ou seja, sabendo que era crime, mesmo assim foi em frente!
Como dizia Roberto Jefferson, no início da pizza: Você já viu um veio de água limpida sair limpa ao passar por um tubo de esgoto?
Não há quem saia limpo dessa história. Tô doido pro primeiro debate, quero ver o pau quebrar. Lula fala dos vestidos de Lúcia Alckmin e o chuchu vai botar pra quebrar.
abraço,
Kafé.

Eleitor Desacorçoado disse...

Em um país onde,

- ministros não cumprem leis e desrespeitam direitos fundamentais dos cidadãos
- mensaleiros são perdoados
filhos de mandatários são aquinhoados com empresas
- primeiras damas gastam fortunas de fazer inveja à Rainha da Inglaterra,
- Delúbios e Okamotos negam, mentem e sorriem cínicamente
- candidato a presidente faz-de-conta que não está ocorrendo nenhum escândalo ao se redor, e os eleitores aceitam e o consideram um "inocente"...

Não é surpresa alguma,

- Jovens rezando pelo crime na Febem Tatuapé, em São Paulo...

"Os internos, de mãos dadas, formam dois círculos no meio da quadra. No menor, só os líderes, ou "faxinas", grupo de 15 jovens que puxam os gritos rodeados por outros 45, que integram o círculo maior. Todos os adolescentes participam da "reza", que se inicia com um pai-nosso e termina com palavras de exaltação ao Primeiro Comando da Capital (PCC) e ao Comando Vermelho (CV). Cumprido diariamente no Complexo do Tatuapé, o ritual fervoroso mostra a cultura do crime organizado no cotidiano dos internos da Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor (Febem)."

(Repórter Fábio Mazzirelli, do "O Estado de São Paulo, coantou o que viu no mês em que trabalhou como agente educacional no Complexo do Tatuapé)

Fábio Mazzitelli

Eleitor Desacorçoado disse...

E Pelé, do alto da sua genialidade futebolística e em pleno regime militar, disse-nos: "O povo não sabe votar!"

Pelé marca o seu milésimo gol, chora e pede ajuda para crianças...

E pensar que FHC nomeiou Pelé como Ministro dos Esportes... E pensar que Lua nomeiou Berzoini como Ministro do Trabalho, MTB na Justiça, Gil na Cultura...

E o Lula sempre fazendo alguma comparação ou metáfora empregando exemplos do futebol, seja em reunião com os ministros, ou nos palanques para o povão... Até para o astronauto brasileiro, que estava lá na estação espacial, ele disse que "o seu time, o Noroeste não anda bem das pernas...".

Meu Deus! Porque o Charles Miller trouxe uma bola para o Brasil e ensinou uma rapaziada jogar futebol? O futebol "desvirtua", "corrompe", "é ópio do povo", não estimula o presidente a ler e aprender outras coisas...

"Lula vai embora".... que sorte a nossa!... isso dá 13 letras e no país do "13" do Zagalo, é um bom sinal!...