quarta-feira, 31 de agosto de 2005

Grande frase de um eleitor LÚCIDO!

"Se eu soubesse que o Lulla ia manter a economia brasileira estável, e ainda acabar com o PT, teria votado nele antes!"

11 comentários:

Elaine disse...

Eu também teria votado nele antes!!
Não consigo esquecer do burrico, ou melhor do presidente, ou das duas coisas juntas. Ah, sei lá!! Não sei mais quem é quem. rsrsrsr

Anônimo disse...

Vc é amigo do Ucho, né???

Tarcísio Pinto disse...

"Eleitor lúcido"? O senhor deveria manter a compostura, já que assertivas (ofensivas e discriminatórias contra uma organização legalmente constituída) como esta dão margem a qualquer "juízo de valor" sobre suas atitutes no contexto de sua atividade profissional. O senhor deveria ser cônscio de sua responsabilidade perante a sociedade, de forma a não patrocinar a difusão de informações, imagens, etc quando ofensivas ou não cobertas de veracidade. Por mais que o senhor faça a ressalva de que suas opiniões refletem apenas sua "consciência acadêmica" (como se quando "revestido" de profissonal lhe fosse possível expurgar crenças e pré-conceitos), eacredito que esta atitude só comprova que lhe falta moral para julgar outrem. Por fim, por que Lula personaliza do "burro" (jumento)? Penso que as "letras" e diplomas por si só não conferem a ninguém sapiência, vivacidade ou habilidade intelectual. Por exemplo: há tantos letrados, cujas inconsistências técnicas e desconhecimento de princípios básicos em assuntos para os quais dedicaram anos de estudos, que não me foge a mente casos dessa natureza. O senhor mesmo na prisão do publicitário do PT (convenhamos que foi esse o objeto mister daquela operação), Duda Menodnça, conduziu o procedimento de forma arbitrária, há tanto já constatado no foros competentes. Por fim, creio que a inteligência (o patrimônio neural mesmo) não se projeta quando não há correção moral as atitudes. Abraços, Doutor.

Spyk disse...

Seu blog foi incluído por indicação no diretório do BU - Blogs Unidos. Se discordar deixe mensagem por lá. Concordando, e se possível, coloque o mini-banner do BU! em seu blog. Veja como em:
http://blogsunidos.blogspot.com/

Abraços,

Spyk

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

O petista tem que aprender logo que para poder criticar livremente algo, como fazia antes de ser (des)governo, é preciso dar exemplo e demonstrar CORREÇÃO, TRANSPARÊNCIA e COMPETÊNCIA. Nada disto está presente na sua "administração", se é que se pode chamar este mar de lama e corrupção disto.
Agora o petista tem mais é que ouvir todas críticas e acusações de bico calado e colocar suas bandeirinhas no saco. As piadinhas que ouvem agora são o mínimo perto das que outrora eles mesmo faziam de seus adversários.
Depois do "Estupra mas não mata" do Maluf, vem o "Não se vende mas compra" do Lulla.
Marcos Vinícius

Mary disse...

Maluf entrou para a história, como o político do "rouba mas faz", Lula vai entrar para história do Governo que rouba e não faz".
Não teremos o CENSO de 2005, o Governo diz que não tem dinheiro, mas jogar dinheiro fora com este plebiscito do Desarmamento, ele tem (R$300 milhões). O Censo irá fazer uma enorme falta, pois os dados atualizados são subsídios para todo o planejamento governamental do País, em todos os níveis (municípios, estados e Governo Federal). Conforme Jabor falou, quantos anos retrocedemos nestes 2 anos de Governo Lula.
Lula, pelo menos uma vez na vida, seja coerente, RENUNCIE, PARA O BEM DO POVO E DO PAÍS.

LCMarques disse...

Se um treinador escala mal seu time a torcida pode chamá-lo de burro, é um direito de opinião. Normalmente ele se toca e faz alterações para melhorar ou então será demitido.
Temos um Presidente que enaltece a sua falta de estudo, que vive dizendo que sua mãe nasceu analfabeta e desdentada, que escolheu seus auxiliares pela amizade em detrimento da competência, que aparelhou o Estado para se garantir no poder, então me diz como os eleitores devem chamá-lo?
Com o agravante que ele se acha acima do bem e do mal e não é capaz de conceder uma entrevista coletiva porque não saberia como proceder sem suas "muletas".
Fazem muitas piadas de todo gosto, claro que devemos respeitar as autoridades, desde que eles respeitem quem lá os colocou.
Ser pedra é fácil, né? Virou vidraça e está sentindo na pele, né?

Paulo Magalhães disse...

Icmarques disse: "Se um treinador escala mal seu time a torcida pode chamá-lo de burro, é um direito de opinião."
Devemos lembrar que, se o treinador for muito, muito ruim, às vezes também é chamado de FDP - e isso também é um direito constitucional e inalienável de opinião.
Agora convenhamos: O Lulla é muito, muito, muito ruim mesmo, não é?
Então como vamos chamá-lo? Excelêntíssimo Senhor ...?

Alice disse...

Lembrando que o Burro ( animal )se mata de trabalhar lá no agreste ,carregando água ,enquanto outro " chamado de burro " se esbanja ,nada é perfeito ...rs

Eldon Eichler disse...

I''m familiar with this subject too